Carrapato-estrela

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Carrapato-estrela
Carrapato-estrela tentando se fingir de aranha
Carrapato-estrela tentando se fingir de aranha
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Artrofoda
Subfilo: Xexelentos
Classe: Aracnídeos
Subclasse: ácarinhos
Superordem: Parasitasesfomeados
Ordem: Tá fodida
Família: Tá fodidae
Gênero: Ampliona
Espécie: carrapato-do-teu-pai
ampliona cajazeirense

O amblyomma cajennense, ou para você, ser desprovido de capacidade cognitiva, pode chamá-lo de carrapato-estrela. Ele é uma espécie de carrapato da família Ixodidae, também conhecida como ou carrapato do cavalo, que tem como hospedeiros preferidos os equinos (como o cavalo do seu pai, o burro do seu irmão e a égua da sua irmã), mas pode também parasitar bovinos (Como o touro bandido do seu primo), em espécies de roedores (como a capivara) e outros animais domésticos e silvestres. O Amblyomma cajennense, na sua fase adulta, é também conhecido pelos nomes populares: "rodoleiro", "picaço", "carrapato rodolego" e também como "micuim", "carrapato pólvora", "carrapato-fogo", "carrapato meio-chumbo" e "carrapatinho" nas suas fases de larva e ninfa. A espécie é comum no Brasil e é um vetor de diversas doenças como a babesiose equina (doença que afeta os glóbulos vermelhos) e a febre maculosa (não te falei que este demônio era perigoso?), sendo esta última considerada uma zoonose.

Parasitismo[editar]

Apesar de ser bastante irregular as infestações do Amblyomma cajennense, geralmente concentram-se nas sombras ou nos locais de passagem de seus hospedeiros. Para que a transmissão da febre maculosa ocorra são necessárias pelo menos 6 horas de fixação do carrapato no hospedeiro. A transmissão é mais comum quando o carrapato se encontra nos estágios de larva ou ninfa, pois o adulto tem uma picada dolorosa, de modo que é rapidamente percebido e removido. O ciclo de vida deste FODENDO parasita, é um padrão cíclico que consiste em: 1. Ovoposição no solo (as fêmeas deste animal, botam em torno de 3 a 4 mil ovos) 2. Eclosão dos ovos e nascimento das larvas (possuem três pares de pernas) após 60 a 70 dias de incubação 3. Ao encontrar um hospedeiro definitivo, a larva se alimenta por 5 dias. Após esse período, retorna ao solo e realiza a primeira muda, tornando-se ninfa (passa a ter quatro pares de pernas). Após a muda, pode permanecer longe do hospedeiro por até um ano 4. Ao encontrar um hospedeiro, se alimenta por 5 a 7 dias. Após esse período, vai para o solo novamente e realiza a segunda muda, tornando-se adulto e diferenciando-se em macho ou fêmea. Nesse estágio, pode permanecer por até 24 meses sem se alimentar 5. No hospedeiro, ocorre o acasalamento. A fêmea se alimenta até ficar ingurgitada, retornando para o solo para a postura dos ovos. Os carrapatos alimentam-se de sangue animal, podendo até estourar após sugar grades quantidades.

Habitat[editar]

São animais artrópodes da ordem dos ácaros e vivem em diversos locais como, por exemplo, mato, madeiras, plantas, touceiras e na pele de animais, sendo encontrado em regiões de todos os continentes, exceto na Antártida e na gorda da sua mãe, que equivale a um continente.

As espécies de carrapatos mais comuns no Brasil são: carrapato-de-cavalo, carrapato-estrela e o carrapato-de-boi, além do seu cunhado, aquele carrapato que só vai na sua casa, parasitar e comer a sua irmã.

Anatomia[editar]

A fêmea costuma botar diversos ovos após alimentar-se de sangue e dos ovos, a boca do carrapato possui um bico utilizado para obter sangue do animal hospedeiro.

Estes carrapatos possuem uma carapaça resistente formada por quitina (vai no Google e pesquisa o que é quitina, tô cansado de ficar te dando tudo mastigado, seu puto). O comprimento de um carrapato é de 0,03 cm a 2 cm (sendo 600 vezes maior que essa minhoquinha anã atrofiada, que você costuma chamar de pênis, tem o formato do corpo, antes de se alimentar achatado, porém após a alimentação ficam roliços, tal como a quilométrica senhora sua mãe. A cor predominante nos carrapatos é o preto, podendo também encontrar carrapatos marrom e vermelho, como também preto e amarelo ou avermelhado (varia de acordo com a espécie).