Bates Motel

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Cquote1.png Na série o Norman Bates nem parece um assassino com aquele jeitinho. Quero trocar meu filho por ele. Cquote2.png
Sua mãe assistindo Bates Motel.
Cquote1.png Desculpa, mas minha mãe não permite que eu conviva com a senhora, pois as mulheres são prostitutas e imorais, assim como a senhora. Cquote2.png
Norman Bates sobre citação acima

História[editar]

Marion Crane antes de ser atacada por um maluco beleza vestido de idosa.

Bates Motel foi citado pela primeira vez no livro Psicose de Robert Bloch, que foi adaptado para os cinemas por Anthony HopkinsAlfred Hitchcock. Bates Motel é um motel (muitíssimo óbvio), cujo os donos dessa propriedade são simplesmente malucos. Um dos malucos é o tão inspirador personagem Norman Bates, filho de Norma Bates (Não confundir).

É neste motel que acontece uma das mais famosas cenas do cinema, onde Mary (Marion Crane), é assassinada por um maluco beleza (não confundir com Raul Seixas) enquanto toma um refrescante e revigorante banho. Psicose serviu de inspiração para vários outros filmes de suspense e terror, ou seja, Robert Bloch e Alfred Hitchcock foram um dos maiores responsáveis por você não dormir a noite, seguido pelo café e a insônia. Das telas do cinema, às telas da TV (grande caixa de futilidades do homem branco que índio não gosta), Bates Motel se transformou em um seriado de TV.

Série de TV[editar]

Bates Motel é uma série de TV baseada na adaptação cinematográfica Psicose de Alfred Hitchcock. Como todos podem perceber enquanto assistem a série (menos os animais irracionais), elementos clássicos e contemporâneos são livremente misturados (para os burros: coisas antigas e novas são misturadas). A série já tem 5 temporadas.

Montagem baba, digo, Duas Caras fazendo cosplay de Norman Bates.

Norman Bates (Freddie Highmore) e Norma Bates (Vera Farmiga) são os protagonistas desse seriado maluco. Os dois são mãe e filho, amam um ao outro exageradamente (assim como você com sua paquera. Mais retardado(a) impossível). Sim, vocês devem estar me perguntando "se o Norman Bates é um psicopata como pode amar a sua mãe?" A resposta é muito simples: Norman Bates não é um psicopata, ou seja, ele pode ter sentimentos. Ele não tem consciência dos seus atos violentos, por isso ele foi para um manicômio em Psicose. Caro retardado mental, você ainda pode estar cheio de dúvidas a respeito do nosso anjinho Norman Bates, pois bem, irei procurar explicar melhor e compensar a sua falta de conhecimento.

Norman, Norma e Normal[editar]

Norman Bates se preparando para o carnaval de Pernambuco vestido de mamãe.

Norman Bates, por causa do complexo de édipo mal resolvido... Sim, eu sei.. Vou explicar melhor para suas pequeninas cabeças. "Complexo de Édipo é um dos conceitos fundamentais de Freud, na Psicanálise. Este conceito refere-se a uma fase no desenvolvimento infantil em que existe uma “disputa” entre a criança e o progenitor do mesmo sexo pelo amor do progenitor do sexo oposto". (para os acéfalos de plantão. Freud: Pai da psicanálise. Progenitores: Pais). Voltando ao assunto. Por causa do complexo de édipo mal resolvido (agora sabem o que significa, se não souber mando Freddy krueger te pegar) nosso querido amigo Norman Bates desenvolve uma psicose. (não irei explicar, procure o Google ou um médico se não souber)

Quando se sente ameaçado ou atraído por alguém, ele incorpora a personalidade de sua mamãe querida e mata a pessoa. Como a mãe sempre diz que quer mantê-lo seguro e longe desse mundo fútil e imoral, ele incorpora sua personalidade e elimina esse contato perigoso. Ou seja, para a mamãe dele, todas as pessoas são que nem baratas (Inclusive você) nessa lixeira chamada Terra com esses mares de chorume, onde tudo o que as pessoas falam se resulta em coliformes fecais. Como podem concluir se tiverem frequentado a escola, ao invés de ficar matando aula para jogar Gta ou bater no gordinho da escola, Norman Bates possui 3 personalidades. Agora estão me perguntando "Ah, isso está errado. Não são duas?" A resposta é, não. (pare de xingar e me deixe explicar sabichão) Toda pessoa, por mais louca que ela seja, mesmo que coma coliformes fecais e imite o capiroto como a Anneliese Michel (inspiração do filme O Exorcismo de Emily Rose) tem seus momentos de normalidade (ooo!Aprendeu!). Norman Bates tinha seus momentos normais. As três personalidades dele eram : Norman Bates- Medroso, fanático por taxidermia, confuso.Norma Bates- Quando ele incorporava a personalidade da mãe.Normal Bates- rapaz com a personalidade própria da sua idade.

Família Bates[editar]

Mamãe e filhinho, dois malucos da pesada.
Norman ouvindo a música do filme.

Norman, Norma e Dylan vivem em uma cidade chamada White Pine Bay, uma cidade costeira no Oregon que serve de residência a todos os personagens da série.

Assim que se mudaram arranjaram problemas. Uma estrada iria ser construída naquela cidade, tirando o destaque do motel do horror. Norma tentava que nem uma louca (como ela mesma) mudar isso, mas criou muitíssimos problemas. Norman foi sequestrado, Dylan quase morto, ela quase morta... Pois bem, a família Bates é pior do que a sua família com toda a certeza: já nos primeiros meses, Norman e Norma ocultaram um corpo, mentiram para a polícia, Norman matou a sua própria professora, Norma matou seu namorado, Dylan virou um traficante...

Personagens da série[editar]

  • Norma Bates - Mãe maluca de Norman e Dylan.
  • Norman Bates - Rapaz esquisito e inteligente.
  • Dylan Massett - Bonitão e vendedor de drogas. Irmão de Norman.
  • Emma Decody - Garota doente apaixonada por Norman.
  • Xerife Alex Romero - Dono da cidade, de tudo e de todos.
  • Bradley Martin - Garota que fingiu suicídio.
  • Caleb Calhoun - Irmão estuprador da Norma, pai de Dylan.

Ver também[editar]


v d e h
TAN TAN... TAN TAN, TAN !
T978595abf6.jpg